28 de out de 2010

Nunca é tarde...

por Marco Nascimento


Neste fim de semana comecei a fazer um curso de Fotografia em um centro cultural aqui de Bauru. Logo ao chegar já tive uma surpresa, pois achava que os alunos seriam em sua maioria, ou total, composta por jovens. Eis que me deparo com pessoas de mais idade. Para falar a verdade, uma grande variedade de idades.

Por ser a primeira aula, tivemos as apresentações pessoais e uma longa, porém interessante, explicação sobre a história da fotografia e os mais conhecidos e famosos fotógrafos.

Mas o que me chamou mesmo a atenção foi a história de uma senhora de 65 anos que estava ali para aprender a fotografar. Em uma rápida conversa, ela me disse que queria muito fotografar seu neto, porém não sabia usar máquina fotográfica. Máquina esta que comprara a poucos dias.

Contando um pouco da sua vida, a senhora que não me lembro o nome, disse que cansou de depender dos outros e foi buscar seu próprio caminho. Funcionária pública aposentada, ela me contou que decidiu aprender a usar o computador. Como experimento, digitou todas suas receitas, mas disse que seu filho apagara o arquivo feito por ela. Para que não ocorresse mais este fato, ela comprou seu próprio micro e logo se inscreveu em um curso de informática.

Além de novos conhecimentos, a senhora fez mais amizades e decidiu que não ia parar por ai. O seu próximo passo foi fazer um novo curso, inscrevendo-se para o de fotografia. Seu objetivo é aprender a fotografar e tirar muitas fotos de seu neto. Tendo neste ato mais momentos carinhosos com seu pequeno, além de adquirir novas experiências e acrescentar algo novo em sua vida.

Após uma conversa com alguns amigos e relatar a história desta senhora, tive a oportunidade de conhecer mais uma história interessante, onde mais uma vez ficou a prova de que nunca é tarde para se começar algo novo. Basta ter vontade.

Dias atrás o prefeito da cidade inaugurou uma academia ao ar livre, onde a população conta com aparelhos de ginástica para que possa fazer exercícios físicos gratuitamente. Após a reforma da praça e da instalação dos aparelhos, a rotina de um casal de idosos teve uma pequena mudança. Ambos decidiram que deveriam se exercitar nos novos aparelhos.

O casal todos os dias pela manhã vai até a praça e por vários minutos fazem sua ginástica diária, para só depois se preocuparem com a vida. Ao serem questionados, ambos afirmam que a mudança na rotina foi a melhor coisa que fizeram, trazendo a eles uma nova disposição e qualidade de vida.

É, idade não significa nada, só precisamos ter força de vontade e o prazer de aprender sempre. Nunca é tarde para fazermos alguma coisa nova.

Abraço!

Um comentário:

  1. eu sabia que aquela senhora faria alguma diferença na sua vida...rsss!!!

    Mil bjs ♥

    ResponderExcluir