25 de nov de 2011

Ela está bem diferente...

por Mariana Perez


Mariana foi pro mar
Deixou seus bens mais valiosos com o cachorro e foi viajar
Foi de coração
Pois o marido saiu pra comprar cigarros e desapareceu
Foi visto no Japão
Com a vizinha, sua ex melhor amiga
Mariana foi ao chão

E ela pensou por muitas vezes
Se usava sua Mauser ou o gás de seu fogão
Mas seu último direito ela viu que era um erro
Mariana foi pro mar

Mariana se cansou
Olhou o que restava da sua vida
Sem direito a pensão
Sem um puto pra gastar
Sempre foi moça mimada
Mas tinha em si a vocação do lar

E foi numa tarde de domingo
Que ganhou tudo no bingo
Sorte no jogo azar no amor
E sua bagagem estava pronta
Parecia que sabia do seu prêmio de consolação

Mudou o itinerário
Trocou o funerário
Pelo atraso do avião
Uma lágrima de sal
Percorre no seu rosto misturando-se ao creme facial
Onde foi que ela errou?
Se acreditava na sinceridade de sua vida conjugal
E se ela pensava muitas vezes
se usava uma pistola ou o gás do seu fogão
Mas ela mudou o itinerário
Trocou o obituário pelo atraso do avião
Hoje ela desfila pela areia
Com total desprezo pelos machos de plantão
Ela está bem diferente
Ama ser independente
Mariana foi pro mar... (Mariana foi pro mar - Ira)

Um final de semana iluminado ♥
Ih, Falei!

23 de nov de 2011

42 razões para NÃO TER um filho

por Fabi Prado


1. Pra que sacrificar suas noites de sono se você pode tê-las em paz para o resto da vida?

2. Pra que gastar com escola para filho se você pode gastar no seu doutorado ou naquela viagem à Dubai?

3. Porque ter um cão é muito mais barato.

4. Porque ter um cão é muito menos trabalhoso.

5. Porque ter um cão é muito menos estressante.

6. Porque o cão morre antes de completar 18 anos. (Essa é perfeita!)

7. Porque o cão não vai crescer e virar garota de programa ou traficante de drogas e fazer você passar vergonha.

8. Aliás, um cão te fará passar pequenas vergonhas como, por exemplo, fazer xixi no portão do vizinho. Filhos te farão passar vergonhas absurdamente incalculáveis como fazer xixi na mesa do pediatra ou soltar um pum na cara do padre na hora do batismo. (Essa é forte!)

9. Porque o cão não vai crescer, arrumar um namorado aproveitador, se viciar em droga e te matar enquanto você dorme só pra ficar com a sua grana. (Lembram do caso Suzane Von Richtofen? Pois bem...)

10. O cão, se te fizer perder a paciência, você coloca de castigo e ele aprende de primeira. Filhos nunca aprendem de primeira. Esqueça!

11. Num cão você pode bater pra mostrar limite. No filho você não pode mais bater. (Graças à lei criada pelo “Lula lá”...)

12. Um filho custa em média, até os 18 anos, R$ 300.000,00. E se for vagabundo custará muito mais até você morrer sustentando o desgraçado.

13. Com R$ 300.000,00 você já imaginou tudo o que pode comprar? Ah, não imaginou ainda? Então imagine porque o negócio é sério.

14. Sem filho, você chega do trabalho cansado e descansa. Com filho, você chega do trabalho cansado e se cansa ainda mais.

15. Comprovado: Casais sem filhos envelhecem mais lentamente. (Porque será?)

16. Sem filho, quando você vai viajar, você não precisa se preocupar com nada além da sua viagem... Se a criança estará doente e você terá que cancelar, se estará frio ou chovendo, sem filho, essa preocupação “no ecxiste”.

17. Sem filho você come melhor. Comprovado: Os pais deixam os maiores e melhores pedaços sempre para os filhos e acabam comendo só o “refugo” e claro, o resto.

18. Casais sem filhos pagam convênio médico para DOIS. Casais com filhos pagam para TRÊS, QUATRO... E a diferença ao longo dos anos é significativa, acreditem.

19. Casais sem filhos praticam mais sexo. (Essa é a mais convincente razão de todas!)

20. Se você não tem filho, você pode dar maus exemplos á vontade, como, por exemplo: Passar no sinal vermelho, comer porcaria, falar besteira, arrotar alto na mesa...

21. Aliás, se você tem filho, VOCÊ é “o exemplo” e tem que deixar de fazer um monte de coisas legais.

22. Sem filho você pode xingar o árbitro á vontade durante o futebol, pode falar palavrão enquanto insulta o seu vizinho barulhento, pode fazer brincadeiras adultas com sua esposa a qualquer hora do dia... Com filho, isso fica restrito.

23. Sem filho você pode ter um monte de bibelôs enfeitando a estante da sala da sua casa, sem correr o risco de ver aquele vaso de cristal de R$ 5.000,00 que você ganhou daquela sua tia solteirona e rica espatifado no chão.

24. Sem filho você pode ter na área de lazer da sua casa uma piscina de 1,40 cm de profundidade sem culpa, receios ou medo.

25. Sem filho você preserva o meio-ambiente, afinal é sabido por todos nós que um dos grandes males do meio-ambiente na atualidade são as malditas fraldas descartáveis cheias de “m......” que demoram cem anos para se decompor.

26. Você pode comprar aquela pick-up dos seus sonhos quando é apenas você e sua esposa. Com filho, esse sonho cai por terra.

27. Sem filho, sem preocupação com os rumos que a educação do país toma.

28. Se você não tem filho, não é obrigado a ir todas as férias do moleque levá-lo CINCO VEZES ao cinema assistir o mesmo (e chato...) filme.

29. Sua esposa não engorda, não perde a forma, não fica resmungona por conta de chatice de criança e não deixa de te dar atenção. Ou seja, você não tem que dividir ela com ninguém... (Idem a marido.)

30. O que vamos jantar? Pede um lanche, uma pizza, um pastel... Isso se você não tem filho porque se você tem, ai é outra história... Porque você pode se entupir de colesterol, mas seu filho, nem pensar!

31. Aliás, sem filhos você praticamente não precisa ter fogão em casa. Compra comida pronta congelada (cheia de conservantes), come na rua (alguma porcaria) ou delivery (mais porcaria ainda). Simples assim.

32. Sabe quanto custa uma lata de Nan ou de Nestogeno? Pois é amigo, te garanto que custa bem caro. Aliás, uma lata de qualquer um desses leitinhos sacrifica toda a sua cervejinha do fim de semana.

33. Sem filho você se sente jovem até a meia idade. (Afinal ver seu filho adulto é o primeiro sinal de que você está V-E-L-H-O-O-O-O-O!)

34. Sem filho você pode criticar aquele seu colega invejoso que vive faltando do serviço porque o filho adoeceu. Você não tem filho, pode falar dos outros sem culpa alguma.

35. Não corre o risco de ter alguém na sua família que virou estelionatário ou ladrão de banco, afinal a sua família é você, a sua esposa e o Rex, aquele vira-lata mequetréfe que você achou na rua outro dia e trouxe pra casa.

36. Não corre o risco de sentir vontade de sumir da reunião escolar.

37. Não tem que comprar cadeirinha pra carro, cadeirinha pra comida, banheira suspensa, bebê conforto, cercado, grade para cama e mais um monte de coisas caras que acabam com o seu orçamento.

38. Não se vê obrigado a pagar R$ 50,00 por uma camisetinha que gastou 20 cm de malha vagabunda e custa esse preço só porque “é pra criança”.

39. Pode ir ao mercado em paz, sem correr o risco de ter a companhia de uma criança mimada berrando pelos corredores querendo pegar tudo o que vê nas prateleiras, principalmente coisas caras, ruins e inúteis.

40. Você pode ir onde quiser, sem se preocupar em deixar filho na casa da mãe, da sogra, da irmã, com babá e claro, incomodar porque todo mundo fala: “Não incomoda...”, mas é claro que lá no fundo enche o saco cuidar de filho dos outros.

41. Você pode chegar a hora que quiser também...

42. Pelo simples fato de nada o prender. E cá entre nós, liberdade ainda não tem preço amigo!

Ih, Falei!

18 de nov de 2011

Índice satisfação de coxinha!

por Mariana Perez


Acho muito frustrante chegar a uma festa e descobrir que não tem coxinha. Eliminem a cerveja, o bolo de aniversário, que seja, mas não a coxinha! Em compensação, poucas situações são tão aliviantes quanto à de estar numa festa cheia de comida antipática e avistar um garçom trazendo uma farta bandeja de coxinhas.

O garçom encarregado das coxinhas tem toda a minha atenção e meus olhares. É um príncipe. O guardião do tesouro. Se a coxinha for de catupiry, me deixa tentada a cometer suborno. Se tiver muita massa, penso em deixar os escrúpulos de lado e fazer um caixa dois da delícia na minha mesa.

Porque a massa da coxinha é de comer rezando um rosário de joelhos no milho. Sério. Quem inventou a massa da coxinha? O povo fica aí dando prêmio Nobel de Física pro moço que decidiu estudar uma coisa chamada grafeno e despreza esse gênio da gastronomia. É por apreciar tanto essa massa dos deuses que defendo a teoria de que o correto é começar a comer a coxinha pela parte maior. Assim, deixamos aquela pontinha de paraíso pro final.

Porque coxinha é sucesso. Já nem falo do sabor que está ficando repetitivo. Falo das curvinhas de deixar Niemeyer com inveja. Já viu algum salgadinho com design mais fofo? Falo da sonoridade cômica da palavra. Experimente falar “coxinha” no meio de uma briga. Certeza que a discussão vira risada... Mas é irresistível. Desculpe-me, gente. Coxinha é irresistível.

Um final de semana iluminado ♥

Ih, Falei!

16 de nov de 2011

42 razões para TER um filho

por Fabi Prado


1. Por que você quer. E muito!

2. Para você deixar de ser só filho.

3. Para entender melhor os seus pais. Compreender depois de anos porque você levava tanta bronca...

4. Para descobrir uma imensa e surpreendente capacidade de amar.

5. Para incluir mais gente numa história de amor que dá certo...

6. ...ou mesmo para deixar de ser sozinho.

7. Para sentir o poder de gerar outra vida. (Essa é forte!)

8. Para aprender a respeitar as diferenças.

9. Para se emocionar com as conquistas dele.

10. Para aprender que as coisas são como são, nem tudo é perfeito. E tudo bem!

11. Para tomar mais cuidado com você mesmo.

12. Para aceitar a maturidade com tranqüilidade.

13. Para poder, um dia, ser avó ou avô.

14. Para cuidar de alguém.

15. Para deixar de ser o centro da própria vida.

16. Para rever suas prioridades.

17. Para ter um bom motivo para chegar mais cedo em casa.

18. Para ficar um tempo sem trabalhar, principalmente a mulher. A licença gestante hoje em dia é de 6 longos meses.

19. Para sentir o prazer de amamentar.

20. Para sentir o prazer de dar de mamar.

21. Para passar pela experiência de educar um ser humano ao seu modo.

22. Para conhecer a pessoa mais linda do mundo.

23. Para ouvir alguém te chamar de mãe ou pai.

24. Para reviver um pouco da sua própria infância ou tirar uma casquinha da infância deles.

25. Para comprar brinquedos incríveis para ele (e para você).

26. Para se renovar.

27. Para entender de uma vez por todas que preocupação com o meio-ambiente não é só coisa de “eco-chato”.

28. Para adquirir hábitos mais saudáveis... E viver melhor. (Essa também é forte!)

29. Para descobrir seu lado meio médico.

30. Para descobrir o seu lado meio adivinhador.

31. Para descobrir que você sabe contar histórias.

32. Para olhar para as coisas de novo, como pela primeira vez.

33. Para ter um bom motivo para aprender a cozinhar.

34. Para ter alguém que tem a boca e os olhos iguaizinhos os seus.

35. Para ter alguém que tem o mesmo jeito de andar que você.

36. Para sentir o que é ter alguém que confia 100% em você.

37. Para encarar o futuro com outros olhos.

38. Para ter a chance de se tornar um ser humano melhor.

39. Para você sentir diariamente o que é ser amado incondicionalmente.

40. Para você ter a sensação de que seu filho é único e tudo que você sente em relação a ele é intraduzível.

41. Para você ter quem cuide de você na sua velhice. (Essa é a mais forte!)

42. Para sentir um certo gostinho de continuidade e saber que alguém vai perpetuar a sua espécie.


(Texto copiado do site IG com adaptações)

Ih, Falei!

15 de nov de 2011

Amizade

por Marco Nascimento


A amizade é um bem que conquistamos a cada dia. Ela pode nascer do acaso, de um simples ato, uma pequena palavra ou na pista de uma balada. Fazer amigos é garantir o ombro para chorar, o abraço para consolar, o sorriso para alegrar.

Amizade é um produto precioso, onde não há data de fabricação, para que assim não haja data de validade. A amizade pode ser de infância, e ser preservada para a vida toda. A amizade pode ser feita no dia anterior, mas é tão intensa, que no dia seguinte podem se tornar “amigos de infância”.

Assim como o amor, muitas vezes a amizade é inexplicável. Ela se torna algo maior, se torna na verdade uma irmandade. Uma cumplicidade.

Amizade é uma via de mão dupla, onde se deve ter a troca de carinho por ambos, onde o cuidado e a atenção devem ser divididos. Amizade não é assessoria de cobrança, por isso não deve haver ligações de cobranças de carinho e atenção, pois os verdadeiros sentimentos veem de forma espontânea, em uma recíproca troca sentimentos.

A amizade é leve. É livre. É saudável.

Na amizade não há aquela que se destaca mais pelo tempo que se conhece um ao outro, pois amizade são atos, atitudes, palavras... são pequenas demonstrações que fazem os amigos se renovarem diariamente.

Abraços!

Ih, Falei!

11 de nov de 2011

Eclesiastes 3

por Mariana Perez


Para tudo há uma ocasião, e um tempo para cada propósito debaixo do céu:
Tempo de nascer e tempo de morrer.
Tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou.
Tempo de matar e tempo de curar, tempo de derrubar e tempo de construir.

Tempo de chorar e tempo de rir, tempo de prantear e tempo de dançar.
Tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las, tempo de abraçar e tempo de se conter.
Tempo de procurar e tempo de desistir, tempo de guardar e tempo de lançar fora.
Tempo de rasgar e tempo de costurar, tempo de calar e tempo de falar.

Tempo de amar e tempo de odiar, tempo de guerra, tempo de paz!

Um final de semana iluminado! ♥

Ih, Falei!

9 de nov de 2011

Depois de tua chegada em minha vida

por Fabi Prado


Você é o meu Alpino®... Você é meu Panetone Trufado da Cacau Show®... É minha Coca-Cola® gelada em dia quente, é minha pizza Portuguesa da Pizzaria do Tauste... Você é o meu Franccino Moka, é meu suco de Framboesa do Papa Tutti, é minha salada de brócolis, é meu churrasco... Você é o meu Haagen Dazs®!!! E essas metáforas todas são pra dizer, mais do que claramente, que você é o meu prato preferido!!!

Você é praia, é rock’n roll, é dia de festa... É minha inspiração e coragem. É meu olhar para o mundo com olhos de beleza.

Você é o céu materializado. Você é mel, é tempero, é prazer, é diversão. Você é toda a complexidade do que não tem explicação e é toda a explicação. Você é o mais puro, leal e verdadeiro bem que eu possuo.

Depois da tua entrada em minha vida eu vi que eu posso mais, que eu sou mais, que eu consigo mais e que você me faz ser mais.

É por isso que eu te amo, respeito e admiro.

É por isso que a nossa força é enorme. Juntos poderemos tocar o planeta Marte e, em menos de dois segundos, estarmos indo para outras galáxias.

Você é mais do que eu quis, mais do que eu pedi e exatamente aquele que eu faço de tudo para merecer possuir pra sempre.

Engraçado que, de coração, eu nunca pedi á Deus que me enviasse alguém como você. Eu pedia simplesmente alguém e Deus me mandou justamente muito mais do que eu esperava...

É uma honra estar ao seu lado... Me sinto grande, forte, guerreira e feliz!!! Deus realmente me ama... Lutador, parceiro, amigo, namorado, cúmplice, amante, esse é você!!! O que seria de minha vida sem a tua chegada e sem a tua entrada??? Difícil precisar. Mas sei que depois de você, eu sou o melhor ser humano que eu posso ser e por você, eu o serei pra sempre!!!

Você é a minha melhor metade... Você é riqueza, poema, chuva em dia de sol, sol em dia chuva, cachorro brincando na grama, carro novo, cinema, água, vento batendo em meu rosto, caridade, alegria, paz, algodão doce...

Nada é melhor do que ser tudo o que sou pra você e sentir tudo o que você é pra mim.

Amigos, findo-me por aqui. Aquele abraço e até a semana que vem, se Deus quiser.

Ih, Falei!

8 de nov de 2011

O Trio

por Marco Nascimento


Apesar de ter sido ele, o jornalista, a fazer o primeiro contato, foi ela, a administradora, que organizou e promoveu o encontro entre os profissionais, que além dos dois, ainda havia a presença da psicóloga.

Os três se encontraram em frente ao local de trabalho da administradora, que por sinal é a mesma empresa da psicóloga, porém prédios diferentes, e onde anos antes conheceram o jornalista.

Como sempre a administradora atrasou-se um pouco, mas este foi um fato pouco relevante, ao fato da saudade que o trio sentia um do outro. Saudade que o caloroso abraço fez diminuir um pouco.

Cada um com seu lanche, no principal e preferido ponto de encontro dos três, os profissionais começaram uma saudosa e produtiva conversa, colocando em dia os assuntos pendentes, rindo do passado, e claro, analisando e discutindo os assuntos atuais da vida de cada um.

Ao longo daqueles minutos em que passaram juntos, percebeu-se que o tempo passou, porém a cumplicidade dos profissionais continua a mesma. Hoje estão mais maduros, mais “crescidos”, mas o carinho que sentem um pelo outro, apesar do tempo distante, ainda é muito forte.

Abraço!

Ih, Falei!

4 de nov de 2011

Amor sem medida!

por Mariana Perez

“Meus bons amigos, onde estão? Notícias de todos, quero saber!”
(Meus bons amigos - Barão Vermelho)


Esses dias estava pensando, ou melhor, me olhando no espelho e constatei que já não tenho mais a mesma medida dos meus 15 anos. (Nossa Mariana! Que descoberta incrível essa sua hein?!).

O engraçado é que há dez anos se eu ficasse uma semana sem jantar, era notável alguns dias para que ficasse com aquela barriga linda... “chata” dos meus sonhos. Hoje se eu fico uma semana sem jantar, é provável que eu fique doente, e engorde por ter ficado uma semana tomando soro.

O fato é que não podemos fugir dessa nossa mudança diária, que me mostra os kg a mais pulando pra fora da calça, e também reafirmar que na proporção que as minhas medidas aumentam, a minha maturidade e auto confiança também... quesitos esses que nem cogitaram existência quando tinha 15 anos.

E é por esse motivo que acho importante reforçar, que não deixarei de comer Big Mac sem picles com o Marco (é o picles que engorda!) e a coxinha de frango do Alameda. Também não recusarei aos 32 convites do Vitor pra comer Burguer King, nem a sensacional panqueca de brócolis com molho de frango na companhia da Fabí, e nem pensar em abandonar a Ana nos “happy hours da vida” degustando de uma deliciosa e gordurenta porção de panceta, porque o que realmente importa são esses poucos e bons momentos na presença de cada um!

Um final de semana iluminado ♥

Ih, Falei!

2 de nov de 2011

Vida Passageira – Ira!

por Fabi Prado


Do alto da montanha ou em um cavalo em verde vale, e tendo o poder de levitar...
É como em um comercial de cigarros na verdade se esquece com uns tragos, sonho difícil de acordar!!!

É quando teus amigos te surpreendem deixando a vida de repente
e não se quer acreditar...
Mas essa vida é passageira e chorar eu sei que é besteira,
mas, meu amigo, não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Desculpe meu amigo, mas não dá prá segurar.

Vou dar então um passeio pelas praias da Bahia onde a lua se parece com a bandeira da Turquia...
É o planeta inteiro que respira,
sinais de vida em cada esquina,
tanta gente que se anima...

É quando teus amigos te surpreendem deixando a vida de repente
e não se quer acreditar...
Mas essa vida é passageira e chorar eu sei que é besteira,
mas, meu amigo, não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Não dá prá segurar...
Desculpe meu amigo, mas não dá prá segurar.

Ih, Falei!

1 de nov de 2011

Mudar é preciso!

por Marco Nascimento


Joguei tudo para o alto;
Troquei o certo pelo errado,
ou o errado pelo certo.

Me arrisquei.
Me joguei.
Me reinventei.

Segui o meu caminho;
Busquei a minha verdade;
A minha felicidade.

Me refiz.
Me perdi.
Me encontrei.

Se hoje estou feliz,
é porque um dia fui insano em jogar tudo para alto,
em arriscar.

Mas insano mesmo,
é esperar algo diferente,
naquilo que se faz sempre.

Ih, Falei!