26 de ago de 2011

O trajeto!

por Mariana Perez


A minha infância posso garantir que foi doce! Quer dizer, mais ou menos doce! Ainda posso sentir o gosto de terra na boca que a chata da Sofia jogava na minha cara, no fim do dia quando íamos ao parque com brinquedos.

Tinha uma roupa que eu adorava e lembro muito bem, era um shorts vermelho bem curto e justo (eu já era piriguete aos 6 anos?!!!), a blusa era laranja com bolinhas pretas, e a sandália era uma Melissa que já estava um pouco velha, com tiras rasgadas, porque já tinha sido da Flavia, e aí já viu né! Sandália essa que no fim da tarde voltava com as bordas todas de terra, com a forma dos meus dedos.

A minha mãe era esplêndida na arte de me arrumar, lembro quando ela penteava meu cabelo longo e liso, a roupa sempre estava separada, e a sandália não sei como já estava limpa. Ela era mestre em tirar aquele caminhão de terra em minutos.

Depois daquele delicioso arroz, feijão e purê de batata, ela me levava sempre pontual, porque pra mim era inadmissível não ser a primeira da fila pra pegar na mão da tia Solange ou da tia Terezinha.

E lá iríamos naquele calor escaldante a pé, e conversando. Ela me contava sobre o que iria fazer ao longo do dia, e o que teria de lanche quando eu chegasse ao fim da tarde me esperando. O trajeto não era muito longo, mas eram minutos nossos, que ela segurava a minha mão e mostrava o mundo ao mesmo tempo.

O dia passava muito rápido, quando percebia já estava colocando a minha sandália toda suja de volta pra esperá-la. E é justamente nesse momento que estaria por vir a melhor parte.

Ela sempre já estava lá pra me buscar, esperando com aquele sorriso aberto, e eu cheia de saudade obviamente (depois reclamam porque ainda não fui morar sozinha com 24 anos!).

Íamos conversando, ela me contando sobre tudo o que tinha feito, quando de repente eu já avistava a porta da Padaria do André que me aguardava aberta. É lá morava um dos meus sonhos, e maiores parceiros da infância: O DIAMANTE NEGRO!

Eu ainda sinto aquele gosto doce, e da espera do dia todo pra que eu pudesse tê-lo de novo entre meus dedos.

Hoje, vejo que meus passos, minhas escolhas e todo o trajeto que, entre tortuosas estradas e belas paisagens, me trouxeram até aqui...

Um final de semana iluminado ♥

Um comentário:

  1. Olá Ih, falei! Eu sou Maria Aparecida a autora do blog 4paredecolorida4.blogspot.com... Eu visitei o antigo blog de vocês no IG e naum consigo entender pq saíram desse blog para vir ao blogspot? O design era perfeito e os posts melhores... Pq saíram para vir nesse servidor?

    ResponderExcluir