10 de nov de 2010

Cadê você?

por Marcelo Frazão


Perdi-me em um mundo cheio de espaços vãos
Cheio de caminhos que não tem volta
Idealizei um sonho em cima de você
Mas nem tinha idéia que sonhos acabam
Ou tinha e me deixei cegar de amor!
Você me deixou lá em baixo e eu tive
Que tentar encontrar o caminho para me reerguer

Não tem problema não, eu sou forte
Eu sou muito mais do que você pensa
Eu ganhei forças do nada pra enfrentar
Meu medo de não ter mais você
Enfrentei mil leões dentro de mim
E provei que você era meu vicio inexistente
O sonho mal sonhado, o perigo mais desastroso, a felicidade.
Mais banal, e o mais infeliz encontro!

Cadê você?
Droga, de novo eu aqui a procura do inexistente
Chega disso, me toquei que sonhos são bons.
Só enquanto dormimos...
Que passado é bom de ser lembrado só com fotos e boas risadas
Encontrei o caminho e cadê você?
Desculpa, você não faz mais parte de mim!
Você se foi...

Nenhum comentário:

Postar um comentário