17 de jan de 2012

Dias de sol!

por Marco Nascimento


Apesar de um enorme abismo ter sido criado entre nós, eu ainda consigo ver a bela paisagem que há depois desta cratera. Lembro-me de todas as cores, flores e bichos. Ainda sinto o cheiro do ar puro, ouço o canto dos pássaros e o frescor do rio.

Em minha cabeça nada mudou. O tempo que passei neste lugar foi maravilhoso, por isso sinto saudades.

A escuridão não apagou o brilho dos meus olhos e nem me fez perder a imagem da qual me lembro com alegria. E é assim, com alegria, que irei lembrar sempre.

Apesar das tempestades, são dos dias de sol que eu não vou esquecer...

Abraços.

Ih, Falei!

Nenhum comentário:

Postar um comentário