10 de abr de 2011

Sociedade perdida

por Jorge Romero

 
Tinha me prometido que não falaria sobre violência nesta minha volta ao blog, mas ficou difícil. Primeiro foi em minha família, perdi um primo próximo de forma brutal, e na última quinta-feira aquela tragédia no colégio, que nunca entenderemos. O que eu consigo entender é que está faltando amor entre os seres humanos.

No primeiro caso, o familiar, claro que chocou todos. Foi em frente a casa onde ele morava com os pais e nossa avó. Quando soube e corri para confortar não conseguia entrar na casa da minha tia, e nem os policiais conseguiam trabalhar porque teve uma aglomeração. Fofocar mais importante que o ser humano é surreal. Comentar tudo bem, mas respeito com os mais próximos também faltou.

No segundo caso um psicopata. Um rapaz quieto demais tem que estranhar. Vivemos em sociedade e não é à toa. Precisamos do outro para sermos melhores. Pena que têm alguns que não se aplica isso.

Outro ponto, pessoa ri, chora, reclama, brinca, briga... se evita algo deste tipo precisa de tratamento.

Todos os citados estão próximos de Deus e que ele nunca nos desampare.

Paz neste domingo para todos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário