21 de abr de 2011

Quero jogar!

por Marco Nascimento


Me engane com seus sentimentos. Me iluda com seus carinhos. Me faça de palhaço no circo que você armou para me conquistar. Me mova de um lado a outro, como se eu fosse uma peça de xadrez.

Jogue os dados, e na sorte decida qual será nosso futuro. Me corrompa com presentes e surpresas inesperadas. Me leve ao céu, mesmo sabendo que na outra ponta há o inferno. Brinque de esconde-esconde e me mostre só o que convém.

Faça o seu jogo. Esconda as regras, ou mude-as quando achar necessário. Só não me deixe fora do jogo do seu amor.

Abraços!

Nenhum comentário:

Postar um comentário